Brasil e Equador firmam memorando de entendimento para temas comerciais

20 September 2006

BREVES INFORMES REGIONAIS

No último dia 10 de setembro, durante a reunião do G-20, no Rio de Janeiro, o Chanceler equatoriano, Francisco Carrión, e o Ministro das Relações Exteriores do Brasil, Celso Amorim, firmaram um Memorando de Entendimento para a Promoção do Comércio e Investimento entre os dois países.

O memorando busca fortalecer e incentivar os fluxos de comércio e investimento entre Brasil e Equador - tendo em consideração as assimetrias entre esses países. O memorando favorece, ainda, a prioridade concedida por ambos ao fortalecimento de suas relações com os demais países da América do Sul.

De acordo com o art. 1 do referido memorando, seu objetivo consiste em promover a elaboração e a execução de planos e projetos, a serem decididos caso a caso, para: (i) fomentar o crescimento do fluxo bilateral de comércio; (ii) promover investimentos nas economias das Partes, especialmente em território equatoriano; e (iii) desenvolver, em forma conjunta e expedita, um plano para a execução de projetos e ações específicas que conduzam ao aprofundamento dos vínculos entre os agentes econômicos das Partes.

O memorando entrou em vigor na data de sua assinatura e tem prazo indeterminado.

Destaca-se que Brasil e Equador já têm uma relação de comércio preferencial, conforme os termos dos Acordos de Complementação Econômica n.º 56 e n.º 59, assinados pelo Mercosul com, respectivamente, Comunidade Andina e Colômbia, Equador e Venezuela (no âmbito da Associação Latino-americana de Integração - ALADI). Os três principais produtos brasileiros exportados para o Equador são: automóveis (11,38%), telefones celulares (9,12%) e ferro e aço (5,78%) - dos quais apenas ao ferro e aço é concedida preferência. Por sua vez, os três principais produtos equatorianos importados pelo Brasil são: petróleo (78%), medicamentos (4,78%) e balas e bombons (4,6%) - dos quais somente o segundo não possui preferência.

Reportagem da Equipe Pontes.

Fontes:

Equador. Boletín de Prensa n.º 759: Ecuador y Brasil Suscriben Memorando de Entendimiento a Nivel Comercial. 13 set. 2006. Disponível em: . Acesso em 15 de set. de 2006.

Memorandum de Entendimento para a Promoção do Comércio e Investimento entre o Governo da República Federativa do Brasil e o Governo da República do Equador. 10 set. 2006. Disponível em: . Acesso em 16 set. 2006

                                                                                                               

25 July 2014
O Grupo de Trabalho (GT) da Organização das Nações Unidas (ONU) encarregado de elaborar uma série de propostas de Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) adotou, em 19 de julho, um documento...
Share: 
31 July 2014
Os chefes de Estado do Mercado Comum do Sul (Mercosul) reuniram-se em Caracas (Venezuela), em 29 de julho, para discutir o fortalecimento dos mercados internos, a desgravação tarifária entre seus membros, a ampliação do comércio com os países do Caribe e o atual estágio da negociação do acordo de livre comércio com a União Europeia (UE). A 46ª Cúpula foi marcada, ainda, pela volta do Paraguai e a entrada da Venezuela como membro efetivo do bloco, o qual também é formado por Argentina, Brasil e Uruguai.
Share: